Pão de cacete: o que fazer para não “rachar”?

Recentemente fomos contactados por um visitante do Blogue Receitas Padaria e que manifestou uma dúvida bastante pertinente relacionada com o pão de cacete. Daí este nosso post. Sendo assim, iremos falar um pouco sobre este pão que pode ser encontrado em muitas pastelarias e padarias do nosso Portugal.

O cacete é um pão composto por farinha de trigo muito semelhante, em termos de aspeto á baguete francesa.
Este é um pão que varia de região em região, e que tem várias tipologias que variam mediante os ingredientes utilizados, tamanho e “acabamentos” (cortes), utilizado para vários finalidades: sandes, pão de alho, como aperitivo, rabanadas de Natal.

No seu fabrico, é comum que as laterais do pão “rachem” ou “estalem”, desfavorecendo o seu aspeto e imagem junto do consumidor. Em algumas circunstâncias, este facto, deve-se  a um tempo de fermentação reduzido, que faz estalar o pão nas laterais.
Para que este problema não aconteça, deve dar mais tempo de fermentação e/ou“picá-lo” para que o ar vá sendo expelido. Certamente, o aspeto final do pão será bem melhor.

Deixe o seu cometário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s